Acessórios para cortinas

Publicado: 17 Fevereiro 2016

As presilhas ou abraçadeiras laterais para cortinas complementam a decoração do ambiente com requinte e bom gosto.

As peças são de metal e metal com acrílico, disponíveis nas cores cromado e bronze.

p1P1p2P2p3P3p4P4p5P5p6P6p8P7p9P8p10P9p11P10p13P11p14P12

Comentário (0) Hits: 577

Está em alta!

Elementos e peças que trazem boas recordações ou nos remetem ao passado são sempre bem vindos na decoração, principalmente se é amante do estilo Vintage ou Retrô. A nossa casa deve ser um pedaço da gente, da nossa história, do que fomos e do que nos tornamos. O vintage surge como um resgate histórico das décadas de 20 a 60, é na verdade uma fusão de diversos estilos e as peças podem complementar inclusive uma decoração contemporânea.

A palavra vintage vem do inglês e o termo era usado para dar referência a uma safra de vinhos de excelente padrão, portanto, no universo da moda, do design e da arquitetura o vintage está relacionado a algo antigo e de boa qualidade. As características da decoração neste estilo são marcadas pelo uso de estampas com flores, tons pasteis, móveis antigos herdados da família ou garimpados em antiquários, produtos feitos artesanalmente como o crochê e o patchwork. Um dos itens indispensáveis na decoração vintage são os móveis com pés palito, usados pela primeira vez nos anos 50.

Enquanto o estilo vintage tem como base objetos antigos e o resgate de elementos decorativos de outras épocas, o retrô se baseia em releituras de móveis e objetos que foram tendência e que são reproduzidos pela indústria atual.
Então, se você tem guardado em casa uma poltrona, cadeira, cristaleira e outros objetos antigos, você pode reformá-los e usá-los na decoração da sua casa. Pode também usar tecidos floridos nas paredes, almofadas, cortinas, etc. Veja o que a Javanesa separou para compor uma decoração nestes estilos.

Tecidos Estampados estilo Vintage e Retrô

DSC 0807Chenile 1DSC 0809Chenile 2DSC 0810Chenile 3DSC 2282Chenile 4DSC 2286Chenile 5DSC 2290Chenile 6DSC 2629Jacquard 1DSC 2631Jacquard 2DSC 2636Jacquard 3DSC 2640Açores 1DSC 2688Açores 2DSC 2726Açores 3DSC 2733Açores 4DSC 2735Açores 5

Comentário (0) Hits: 453

Novas técnicas com Karen Sakuma

pat47

Os artesanatos feitos a partir do patchwork vêm conquistando mais e mais adeptos. No Brasil, muitas feiras são realizadas durante o ano e atraem milhares de pessoas com o intuito de adquirir peças, vendê-las, ou conhecer novas técnicas. Além de ser uma excelente terapia, o patch ajuda a complementar a renda das famílias. É o caso de Christina Amorin, sócia do ateliê Amor em Pano, de Itapeva-SP, que participou do 5º Quilt & Craft Show, uma feira de patchwork composta por fornecedores de matéria prima, maquinários e artesãos, realizada no espaço Expo Unimed, em Curitiba de 2 a 5 de setembro.


"Trabalho há quatro anos com a linha country. Fazemos peças utilitárias para cozinha e bonecos que dão o maior charme para este ambiente. Eu era consultora do SEBRAE, engravidei e precisava me ocupar com algo que me desse prazer e alguma renda. Eu me encontrei no patchwork! É um trabalho demorado, mas existe público que valoriza esta arte. Vale muito a pena trabalhar com as técnicas, tanto que estamos partindo para uma loja virtual porque a procura pelos produtos é constante. Em uma feira de três dias, por exemplo, são vendidos aproximadamente 800 peças", informou Christina.

par42Coleção 1 - aminais domesticospat41Grande variedade de tricoline para patchworkpat43Coleção Flores do campopat44Cores e estampas para composés perfeitospat45Coleção Libertypat46Varias colecoes que irao te inspirarVarias colecoes que irao te inspirar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A artesã Doris Ferrazo, do ateliê DeD Patch e Cia, de Florianópolis-SC, está envolvida há 9 anos com as técnicas de patchwork e garante que o trabalho bem feito traz bons resultados financeiros e pessoais. "Criar projetos, fazer aplicações, misturar cores e estampas, o mundo de patchwork é encantador! É uma verdadeira terapia com a vantagem de proporcionar renda. Eu crio, executo e vendo projetos. Trabalhava na área de Recursos Humanos, conheci o patch e comecei a produzir. As vendas aconteceram naturalmente e, quando percebi, era o que me sustentava. Uso o quilt e muitas aplicações de tecidos em algodão, tudo feito a mão, 100% artesanal e para trabalhos bem feitos sempre têm mercado. Além de conquistar a independência financeira, hoje sou dona do meu tempo e muito mais feliz", declarou Doris Ferrazo.

A Silvinha's Patchwork & Craft by Javanesa começa a receber os primeiros interessados em conhecer as técnicas de patchwork. Situada na rua José Bonifácio, 69, no final da galeria, a sala de cursos têm ampla variedade de produtos para a prática desta arte. 

A instrutora do curso e artesã Karen Sakuma explica algumas técnicas que podem ser usadas para a confecção de belíssimas peças.

Foundation ou Paper Piecing

De origem inglesa, a palavra Foundation significa "fundação". Trata-se de uma técnica precisa que utiliza tecidos de vários ângulos, costurados sobre uma base que pode ser de diferentes materiais como entretela, entretela hidrossolúvel, papel de seda, etc., seguindo um esquema numérico. O Foundation é uma técnica muito apreciada por praticantes do patch por permitir montar blocos que formam desenhos inusitados. Seguindo o molde feito na "fundação" ou base, o trabalho fica perfeito.

Foundation1foundation2foundation3


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Log Cabin

A técnica consiste na formação de blocos que se assemelham com as cabanas feitas de toras dos pioneiros americanos do século XIX, por isso o nome - inglês - Log Cabin (cabana de toras). No centro do bloco, no design tradicional, é usado a cor vermelha ou cores quentes - representando a lareira da casa, essencial para a sobrevivência no terrível inverno norte americano - e as laterais que são costuradas em espiral, são formadas por sequências de tiras alternando entre cores claras, refletindo a parte iluminada pelo fogo da lareira, e escuras que presumem as sombras. Outra história sobre esta técnica conta que o centro do bloco representa o coração da casa, a parte clara significa a luz do sol, a alegria e o lado escuro é a parte sombria da vida.

Esta técnica pode ter variações utilizando um bloco ou vários deles formando ou não desenhos geométricos unidos de várias maneiras que resultam em figuras diferentes.

log cabin1log cabin 2log cabin 3

Comentário (3) Hits: 703

É Natal...

Publicado: 07 Dezembro 2015

Decore gastando pouco


    O  Natal é uma época cercada de preparações para unir a família, amigos e pessoas queridas. O evento simboliza união, amor, fraternidade e muitos outros sentimentos nobres que realçam nos seres humanos neste período. É a data em que os cristãos comemoram o nascimento de Jesus Cristo, mas somente no século IV o 25 de dezembro foi estabelecido como dia oficial do Natal. Para o Ocidente, é uma data de grande importância, pois marca o ano I da nossa história.
    Antigamente, as comemorações natalinas costumavam durar até 12 dias, pois foi  este o tempo que os três Reis Magos levaram para chegar até o menino Jesus, em Belém, levando de presente mirra, incenso e ouro. Atualmente, as pessoas costumam montar árvores e outras decorações do tema no início de dezembro e desmontam até 12 dias depois do Natal. O cenário natalino proporciona um clima especial e envolvente de vida nova, alegria e esperança de mundo melhor.
    A ceia de Natal é uma tradição e no sincretismo religioso está ligada à última refeição que Jesus Cristo fez com seus discípulos. Por isso, a importância que a grande maioria das pessoas dá a este momento.  A troca de presentes logo após a ceia simboliza a gratidão e como as pessoas são importantes para nós, assim como Jesus Cristo foi para os Reis Magos.
    E, para receber as pessoas queridas na ceia de Natal, uma mesa decorada é sempre bem vinda e vista. Toalhas e guardanapos com motivos ou cores natalinas -verde, vermelho, azul, roxo, prata e dourado - acompanhadas de velas, taças e outros objetos decorativos deixarão sua mesa mais apropriada para a festividade.
    Veja alguns tecidos para toalha de mesa em Oxford que a Javanesa da José Bonifácio e da Dr. Muricy têm para a sua decoração

Oxford Feliz NatalOxford Feliz NatalOxford Flor de NatalOxford Flor de NatalOxford Natalino FestãoOxford Natalino FestãoOxford Natalino Sinos de BelémOxford Natalino Sinos de BelémOxford NoelOxford NoelOxford Papai NoelOxford Papai NoelOxford Ursinhos de NatalOxford Ursinhos de NatalOxford  Arranjo de NatalOxford Arranjo de NatalOxford  Laços de NatalOxford Laços de Natal

 

 

Organdi para decoração Natalina

Organdi Boneco de NeveOrgandi Boneco de NeveOrgandi Flores de Natal 1Organdi Flores de Natal 1Organdi Folhas NatalinasOrgandi Folhas NatalinasOrgandi Natalino BengalaOrgandi Natalino BengalaOrgandi Natalino PresentesOrgandi Natalino PresentesOrgandi  Papai NoelOrgandi Papai Noel

Comentário (0) Hits: 379

Suede é um deles

A população de gatos domésticos vem crescendo no Brasil. De acordo com a Pesquisa Nacional de Saúde, divulgada em junho pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 22,1 milhões de gatos são criados em domicílio. E, por mais que sejam animais adoráveis, fofinhos e encantadores, não há quem não tenha se aborrecido com a destruição provocada pelos arranhões dos felinos em poltronas, sofás, cortinas e móveis. Mas, porque eles têm este costume?
Segundo a zoologista especialista em comportamento animal, Erika Zanoni, arranhar é uma necessidade natural e diária dos gatos. "É uma forma de marcar o território tanto olfativo, quanto aromático e visual, eles liberam de suas patas algumas glândulas (odor) que são sentidas somente por outros animais. Este ato faz com que o bichano se sinta confiante. Além disso, ele se alonga e exercita o corpo, fortalecendo os músculos que participam da flexão das patas, ombros e costas. Outro propósito dos arranhões é se livrar das garras velhas e dar espaço para as novas, já em crescimento. Entretanto, arranhões em excesso podem significar o estresse do animal. O dono deve ficar atento às alterações comportamentais como a diminuição da ingestão de alimento e o isolamento, na tentativa de manter o equilíbrio - característica introvertida. Neste caso, um médico veterinário, especialista em comportamento animal deverá ser consultado para a pesquisa de distúrbios psiquiátricos, como a depressão".
Se o animal está apenas cumprindo sua biologia comportamental, a zoologista dá algumas dicas para que a sua casa não seja destruída pelas "garras ferozes" dos bichanos.
-Providencie um arranhador próximo da área que o animal mais fica, tais como janelas e locais privativos;
- Use a erva do gato, que é comprada em pets e atua como estimulante do sistema nervoso e melhora o humor do animal;
- Corte e lixe as unhas do bichano com frequência;
- Fitas dupla face no sofá por alguns dias manterão os gatos distantes, pois eles odeiam qualquer coisa grudada em suas patas;
- Existem capas de silicone para unhas que são colocadas pelo médico veterinário;
-Escolha tecidos menos atrativos para o revestimento de sofás, poltronas e para as cortinas. Tecidos com a trama aberta, são mais gostosos, do ponto de vista dos felinos para grudar as patinhas. Portanto, prefira tecidos com a trama mais fechada como o suede, o acquablock, brim e sarja na sua decoração.
Cuidado: nem todos os tecidos com a trama mais fechada devem ser utilizados. Descarte neste caso, o linho, o veludo e a seda, pois um fio puxado por significar um dano irreparável.
Outros materiais não recomendáveis são o couro sintético, ecológico, courino ou courvim. Eles levam uma película no acabamento superior que são facilmente riscados.

A equipe da redação da Javanesa Decor fez um teste com o Suede. A poltrona preferida de dois gatos, Morena e Lucca, foi revestida com este tecido. Os bichamos, como de costume, tentaram arranhar a poltrona, mas suas patinhas não grudaram e o móvel deixou de ser interessante para eles.

SUEDE

Suede, Ultrasuede, Nobuck, camurça italiana são o mesmo material com nomenclaturas diferentes usadas pelas indústrias para dar identidade ao produto. O que difere um do outro são os acabamentos. Existem tecidos nacionais e importados, alguns imitam pele de animal, são mais felpudos, outros amassados, outros mais ásperos ou mais macios, mas este tipo de tecido tem a trama bem fechada, o que dificulta a penetração das unhas dos gatos e, mesmo que eles insistam na empreitada, os danos não aparecem com facilidade e você terá os estofados apresentável por mais tempo. Isso, é claro, quando o tecido é de qualidade. Disponíveis em cores lisas e estampadas.

SUEDE ARGYLESUEDE ARGYLE

SUEDE ESTAMPA 2SUEDE ESTAMPA 2SUEDE ESTAMPA ABSTRATASUEDE ESTAMPA ABSTRATA


SUEDE ESTAMPA FLORAL 3SUEDE ESTAMPA FLORAL 3SUEDE ESTAMPA FLORAL GERANIUMSUEDE ESTAMPA FLORAL GERANIUMSUEDE ESTAMPA FLORAL TIFFANYSUEDE ESTAMPA FLORAL TIFFANYSUEDE ESTAMPA FLORES 1SUEDE ESTAMPA FLORES 1SUEDE ESTAMPA FLORES 2SUEDE ESTAMPA FLORES 2SUEDE ESTAMPA FLORES 3SUEDE ESTAMPA FLORES 3SUEDE ESTAMPA IKAT 3SUEDE ESTAMPA IKAT 3SUEDE ESTAMPA LISTRA 2 1SUEDE ESTAMPA LISTRA 2 1SUEDE ESTAMPA LISTRA 315SUEDE ESTAMPA LISTRA 315SUEDE ESTAMPA PAISLEYSUEDE ESTAMPA PAISLEYSUEDE IkatSUEDE IKATSUEDE IKAT 2SUEDE IKAT 2SUEDE LISTRADO CINZASUEDE LISTRADO CINZASUEDE LISTRADO CINZA E AMARELOSUEDE LISTRADO CINZA E AMARELOSUEDE LISTRADO LARANJASUEDE LISTRADO LARANJASUEDE LISTRADO TIFFANYSUEDE LISTRADO TIFFANYSUEDE LISTRA 1 2SUEDE LISTRA 1 2SUEDE TREVO 1SUEDE TREVO 1SUEDE TREVO 214SUEDE TREVO 214SUEDE VINTAGE MOSTARDASUEDE VINTAGE MOSTARDASUEDE VINTAGE TIFFANYSUEDE VINTAGE TIFFANY

Comentário (0) Hits: 968

NOSSOS PARCEIROS

RECEBA NOTÍCIAS

Assine nossa mala direta para receber notícias sobre as novidades Javanesa e do mundo da moda.